A importância de um bom profissional de hipnose

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Não é de hoje que a hipnose é reconhecida como uma importante ferramenta que trata dores e vende medos, podendo ser utilizada para diminuir o sofrimento de pacientes com câncer terminal, fobias e depressão. O estado hipnótico é um tipo de condição mental em que o cérebro apresenta alta atividade psíquica, sendo uma verdadeira arma terapêutica que foca em desligar o paciente da realidade e até ver imagens que não existam. Durante as sessões, o objetivo principal é fazer o paciente relaxar, seja pelo método clássico de fixar a atenção em um objeto ou por meio das palavras faladas pelo hipnotizador. Tudo acontece quando a pessoa está totalmente relaxada, começa o transe hipnótico, que desencadeia importantes reações cerebrais.

Durante o processo cresce a produção de neurotransmissores como a serotonina, que libera estímulos de bem-estar, combatendo a depressão, e a noradrenalina, que ajuda na cura de doenças ao fortalecer o sistema imunológico. Em transe mais profundo é possível fazer uma dor forte desaparecer. Por muito tempo, a hipnose foi vista com ceticismo e até com certo descrédito, principalmente por causa da ação de mentirosos, que se apresentavam em praça pública no século passado. Nos anos 90, a técnica foi investigada por um grupo de prestigiados psiquiatras e neurologistas americanos, usando exames de tomografia, que comprovaram que o cérebro pode realmente ser “enganado” com comandos.

Vale ressaltar que ninguém é hipnotizado contra a vontade, mas o mau uso desta técnica pode ser algo perigoso. Por este motivo é importante fazer o tratamento em um local que haja profissionais especializados na área. Se você está procurando uma Clínica de Hipnose Curitiba, não deixe de entrar em contato conosco e saber mais. Fique de olho aqui no nosso blog para saber mais sobre esse assunto.

 


Deixe seu Comentário.



Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×